FUNDADO EM 05 DE OUTUBRO DE 1922

DIRETOR
ANTÓNIO MAGALHÃES

SUB DIRETOR
EDUARDO COSTA


1-8-2017, CARREGOSA
> Associação está a comemorar 17 anos de vida
URATE POTENCIA TALENTO DA FREGUESIA

A União Recreativa ‘Os Amigos da Terra’ (URATE) foi criada em 2000 mas as suas origens são mais antigas. Surgiu de um grupo de amigos que organizou o Ciclopaper, um evento que potenciou o nascimento da coletividade e que ainda hoje é uma atividade certa no calendário.


“Ao longo dos anos, a associação tem-se multiplicado em várias secções, criadas pela autonomia de pessoas que se foram aliando ao grupo” e explorando as suas áreas de interesse, contextualiza o responsável pela secção de teatro, João Amorim.

A URATE já se dedicou ao xadrez e à literatura, secções entretanto adormecidas, mas a sua atividade continua a ser intensa. As secções de teatro, dança, desporto e lazer continuam bem vivas e mantêm preenchida a agenda de muitos carregosenses, bem como ações solidárias que vão surgindo pontualmente, como a recente recolha de bens alimentares para o concelho de Pedrógão, fustigado pelas chamas em meados de julho. Entre as várias atividades, João destaca o Festival Festola, o Festival da Juventude, as caminhadas mensais e expedições fotográficas e o Ciclopaper, que caminha para a sua 22ª edição, a realizar-se no início de setembro próximo.

Com cerca de 30 elementos divididos em três turmas, a secção de teatro prepara neste momento três peças, duas delas para serem apresentadas no Festival Festola, que aquece as noites de novembro. “O festival tem sofrido alterações positivas nos últimos anos, com a profissionalização do cartaz”, revela João Amorim, apontando a presença em edições anteriores de nomes sonantes do panorama nacional como Pedro Tochas, o Teatro Nacional D. Maria II e o Teatrão. O teatro amador continua a ter o seu espaço na programação do festival, ressalva, apontando como foco principal do teatro da URATE a comédia.  

Há dez anos na coletividade, João Amorim sente que é cada vez mais difícil atrair novos membros. “Já foi mais fácil captar, hoje é cada vez mais difícil e mais exigente por causa dos aliciantes externos”, justifica, avançando que a associação quer, acima de tudo, catalisar o potencial dos jovens em prol da comunidade. “O nosso objetivo não é apenas trabalhar para os jovens, mas que os jovens sejam os principais agentes na associação e na freguesia”, salienta.

Filipa Gomes


 




OUTRAS
CARREGOSA
1-8-2017»  ASSEADA MÁQUINAS CONTINUA A CRESCER
1-8-2017»  EMIGRANTES RECEBIDOS DE FORMA CALOROSA
1-8-2017»  COMISSÃO CONQUISTA AS NOVAS GERAÇÕES
1-8-2017»  “VALORIZAMOS A INTERGERACIONALIDADE”
1-8-2017»  ACESMA MANTÉM VIVOS COSTUMES E TRADIÇÕES
1-8-2017»  VALORES E TRADIÇÕES INCUTIDOS AOS MAIS NOVOS
1-8-2017»  “CARREGOSA SEMPRE TEVE UM ASSOCIATIVISMO FORTÍSSIMO”
19-7-2017»  A VILA “MAIS BONITA” COMEMOROU 27 ANOS
11-7-2017»  FESTIVAL DA JUVENTUDE INVADIU NOVAMENTE A VILA
27-6-2017»  FLUIDICA PONDERA EXPANDIR PARA ÁFRICA E BRASIL



PESQUISA





REDACÃO:
Edifício Rainha, 8º Piso
3720-232 Oliveira de Azeméis


CONTACTOS:
Telf: 256 04 98 90 * Fax: 256 04 62 63
Tlm: 939628533


Horário Atendimento: 2ª a 6ª - 9:00h / 18:00h
email: geral@correiodeazemeis.pt


Todos os direitos reservados, 2017