FUNDADO EM 05 DE OUTUBRO DE 1922





DIRETR
EDUARDO COSTA


11-10-2016, PINHEIRO DA BEMPOSTA
> A vítima, de 74 anos, morreu dois meses após o assalto
Acusados de roubo com agressões violentas foram absolvidos



Diana Cohen
O Tribunal de Santa Maria da Feira absolveu os seis arguidos que estiveram a ser julgados por um assalto violento no Pinheiro da Bemposta, na casa de um homem que morreu cerca de dois meses depois, na sequência de um AVC.

A presidente do coletivo de juízes justificou a absolvição com o facto de não existirem provas suficientes para uma eventual condenação, explicando que, em sede de audiência, apenas se provou que António Jesus, conhecido pela alcunha ‘Amor de Perdição’, “foi barbaramente agredido”.

Durante a investigação, a Polícia Judiciária chegou até aos arguidos através da localização celular dos telemóveis, concluindo que, no dia do crime, estiveram na zona da residência da vítima. Mas estes indícios não foram considerados suficientemente fortes pelo tribunal. A magistrada referiu, durante a leitura da decisão, que os suspeitos, com idades entre os 21 e os 38 anos, têm família naquela localidade, admitindo como possível que, naquele dia, se tenham deslocado ao Pinheiro da Bemposta com outros propósitos.

Na primeira sessão apenas um dos arguidos aceitou prestar declarações para negar ter participado no assalto, garantindo ainda que desconhecia António Jesus.

Os arguidos – cinco homens e uma mulher – responderam por roubo agravado pelo resultado. De acordo com o Ministério Público, na madrugada de 23 de novembro de 2013, o septuagenário foi brutalmente agredido por assaltantes que o forçaram a entregar dinheiro e armas e, quando abandonaram o local, roubaram ainda o automóvel da vítima, que atiraram para uma ravina depois de terem tentado atear-lhe chamas.

António Jesus foi encontrado na manhã seguinte por um amigo que, depois de ouvir gritos, entrou pela janela, encontrando a vítima ensanguentada e caída no chão da casa de banho, sem roupa. Perguntou-lhe o que acontecera, mas não obteve resposta.

O morador, que sofreu várias fraturas, foi transportado para o Hospital da Feira e depois transferido para o Hospital de Santo António. Entretanto, ficou aos cuidados de uma família de acolhimento, falecendo depois em meados de janeiro, vítima de um AVC.



 




OUTRAS
PINHEIRO DA BEMPOSTA
1-8-2017»  PROCISSÃO MOVEU MULTIDÃO
25-7-2017»  “UMA DEMONSTRAÇÃO DE TALENTOS”
4-7-2017»  MOINHO RENASCE COMO HOSTEL NO MEIO DA NATUREZA
26-6-2017»  COMISSÃO ORGANIZOU DIA ANIMADO
23-5-2017»  PATRONATO TRABALHA COM CORAÇÃO
23-5-2017»  PINHEIRO FRIO CONTINUA EM CRESCIMENTO
23-5-2017»  “TEMOS QUE PRESERVAR A IDENTIDADE DAS ESCOLAS”
23-5-2017»  COLETIVIDADE VIVE DO DINAMISMO DOS SEUS MEMBROS
23-5-2017»  CAPITAL HUMANO FAZ A DIFERENÇA
23-5-2017»  PROJETO AMBICIOSO NO HORIZONTE



PESQUISA




Estatuto Editorial O Correio de Azeméis, no cumprimento duma obrigação legal, renova o conteúdo do seu Estatuto Editorial, na mesma linha que orientou as décadas que leva de publicação ininterrupta, de colocar os verdadeiros interesses do con­celho de Oliveira de Azeméis como sua prioridade inquestionável, não se misturando com os interesses de grupos, nomeadamente políticos. O Correio de Azeméis renova o com­promisso de respeitar os princípios deontológicos da imprensa e a ética profissional, de modo a não poder prosseguir apenas fins comerciais, nem abusar da boa fé dos leitores, encobrindo ou detur­pando a informação.




REDACÃO:
Edifício Rainha, 8º Piso
3720-232 Oliveira de Azeméis


CONTACTOS:
Telf: 256 04 98 90 * Fax: 256 04 62 63
Tlm: 939628533


Horário Atendimento: 2ª a 6ª - 9:00h / 18:00h
email: geral@correiodeazemeis.pt


Todos os direitos reservados, 2017