FUNDADO EM 05 DE OUTUBRO DE 1922





DIRETR
EDUARDO COSTA


11-4-2017, S. TIAGO DE RIBA-UL
> Reabilitação do património santiaguense é uma das bandeiras do executivo
“Antes de construir é necessário preservar o que nos foi deixado”

Ao leme de Santiago de Riba-Ul há quase oito anos, Carlos Silva acredita que tem conseguido levar o barco a bom porto. Preservar o património, desenvolver uma política de proximidade e assegurar a qualidade de vida dos fregueses são as prioridades do autarca, que anunciou que não será candidato a um terceiro mandato.


Filipa Gomes

Dotada de um património riquíssimo, Santiago de Riba-Ul tem assistido, ao longo dos últimos anos, à valorização e requalificação do legado deixado por antepassados. Ao leme da União de Freguesias de Oliveira de Azeméis (UFOAZ), Santiago de Riba-Ul, Ul, Macinhata da Seixa e Madaíl, Carlos Silva acredita que é na preservação dos equipamentos existentes e na promoção da qualidade de vida dos fregueses que deve assentar a linha de ação de um autarca. “Antes de se construir é necessário preservar o que nos foi deixado e é isso que este executivo tem feito, com a requalificação de um património vasto na freguesia, sobretudo a símbolos que estão ligados ao âmbito religioso, como as alminhas e os fontanários”, explica o governante, que não esquece a intervenção da Ponte de Cavaleiros e a requalificação ainda em curso do edifício da Associação de Socorros Mútuos.

Além de fazer perdurar no tempo o legado da freguesia, Carlos Silva lembra que os serviços básicos devem estar no centro das atenções dos políticos. “A rede viária é um dos pontos chave naquilo que diz respeito às preocupações que deviam gerir a atuação dos autarcas”, sublinhou Carlos Silva, que ao longo dos anos requalificou um conjunto de estradas, algumas em parceria com o município: “Lembro-me que há sete anos o lugar do Salgueiro era constituído por inúmeras ruas em terra batida e hoje tem uma rede viária totalmente reabilitada e requalificada”.

Quanto às redes de água e saneamento, o autarca esclarece que os níveis de cobertura, comparados com outras freguesias, não são alarmantes. “Há uma taxa de cobertura de 80 por cento ao nível do saneamento e de água quase nos 90 por cento. Existem alguns lugares onde ainda não existe ligação, mas em termos gerais não nos podemos queixar”.


Autarca sai “tranquilo” no final do mandato

Com contas “equilibradas e estáveis”, o presidente da UFOAZ considera que o trabalho realizado ao longos dos anos tem saldo positivo. A requalificação do património santiaguense, do parque escolar e da rede viária, a resolução de várias carências sociais na freguesia e o projeto em curso para uma zona de lazer em Santiago de Riba-Ul são alguns dos aspetos positivos destacados pelo autarca, que não será candidato nas próximas eleições autárquicas. “É preciso ter muita disponibilidade, principalmente para estar à frente de uma agregação com cinco freguesias”, considerou, confessando que a vida política o tornou, sobretudo, num “melhor cidadão”. “Foi uma experiência muito enriquecedora e estão criadas as condições para que possa deixar o cargo com o sentimento de dever cumprido”, afirma, realçando o esforço de todo o executivo nesta caminhada e lembrando que estará sempre disponível para continuar a desempenhar “um papel ativo e interventivo” em Oliveira de Azeméis.



 




OUTRAS
S. TIAGO DE RIBA-UL
17-9-2017»  SENIORES "TESTARAM" CANDIDATOS À UNIÃO DE FREGUESIAS
5-9-2017»  CAMIÃO DERRUBA MURO DE HABITAÇÃO
25-7-2017»  “OS NETOS SÃO COMO FILHOS”
11-7-2017»  Pró-Outeiro faz visita guiada a Estrutura Residencial
13-6-2017»  SANTIAGUENSE QUEREM MISSA TAMBÉM NO OUTEIRO
15-5-2017»  JOVENS ORGANIZARAM FESTA PARA SENIORES
2-5-2017»  Seniores indignados fazem ‘manifestação’
11-4-2017»  41 anos de crescimento sustentado
11-4-2017»  Setor da construção dá sinais de melhorias
11-4-2017»  Cheto com “crescimento galopante”



PESQUISA




Estatuto Editorial O Correio de Azeméis, no cumprimento duma obrigação legal, renova o conteúdo do seu Estatuto Editorial, na mesma linha que orientou as décadas que leva de publicação ininterrupta, de colocar os verdadeiros interesses do con­celho de Oliveira de Azeméis como sua prioridade inquestionável, não se misturando com os interesses de grupos, nomeadamente políticos. O Correio de Azeméis renova o com­promisso de respeitar os princípios deontológicos da imprensa e a ética profissional, de modo a não poder prosseguir apenas fins comerciais, nem abusar da boa fé dos leitores, encobrindo ou detur­pando a informação.




REDACÃO:
Edifício Rainha, 8º Piso
3720-232 Oliveira de Azeméis


CONTACTOS:
Telf: 256 04 98 90 * Fax: 256 04 62 63
Tlm: 939628533


Horário Atendimento: 2ª a 6ª - 9:00h / 18:00h
email: geral@correiodeazemeis.pt


Todos os direitos reservados, 2017