FUNDADO EM 05 DE OUTUBRO DE 1922





DIRETR
EDUARDO COSTA


23-5-2017, PINHEIRO DA BEMPOSTA
> Agrupamento de Loureiro formado por 11 estabelecimentos de ensino
“TEMOS QUE PRESERVAR A IDENTIDADE DAS ESCOLAS”

Manter intacta a identidade das onze escolas que compõem o agrupamento é uma das apostas do diretor do Agrupamento de Escolas de Loureiro, Vasco Vaz. A quebra da natalidade preocupa o responsável, que acredita que o agrupamento se deve diferenciar para captar mais alunos.


A reorganização da rede escolar e consequente agrupamento de vários estabelecimentos de ensino não retira as características que definem cada uma das escolas que compõem o agrupamento, afirma o diretor, Vasco Vaz. “Felizmente não veio acabar com a identidade de cada escola e isso é muito importante, porque num agrupamento os alunos, os professores e as escolas não têm de ser todos iguais. Temos que preservar a identidade das escolas, as suas histórias e características”, considera.

No total 1057 alunos frequentam o ano letivo no Agrupamento de Loureiro: 508 no Pinheiro da Bemposta e 549 em Loureiro, desde o pré-escolar até ao 1º, 2º e 3º ciclos. Lembrando que o agrupamento é o “mais extenso de Oliveira de Azeméis”, abrangendo uma área de cerca de 57 quilómetros, Vasco Vaz acredita que o trabalho desenvolvido, também pelos seus antecessores, é motivo de destaque e orgulho. Porém, a quebra da natalidade na região e no país preocupa o diretor, que fala da necessidade de criar estratégias para captar mais alunos. “Com menos alunos é preciso arranjar formas de termos mais. O agrupamento tem se destacado ao nível dos resultados nos exames, com o Pinheiro da Bemposta a ficar em terceiro lugar a nível concelhio. Temos tido um bom desempenho também ao nível de atividades, como o desporto escolar”, realça.

No campo das atividades extra-curriculares, Vasco Vaz considera que estas são essenciais para o desenvolvimento dos alunos. “A quantidade de trabalho que se exige aos alunos nos tempos atuais é enorme, por isso todas as atividades são importantes para que possam desenvolver outras competências e para brincarem”, considera.

Com ensino até ao 9º ano, o Agrupamento de Loureiro estuda a hipótese de implementar um curso CEF. “É uma possibilidade, estamos a analisar para saber se há alunos interessados, mas não nos podemos esquecer que o objetivo é formar alunos até ao 9º ano, pelo que temos de nos focar nisso em primeiro lugar”, refere Vasco Vaz.


 




OUTRAS
PINHEIRO DA BEMPOSTA
2-10-2017»  LIVRO ASSINALA COMEMORAÇÕES DOS 500 ANOS DO FORAL
1-8-2017»  PROCISSÃO MOVEU MULTIDÃO
25-7-2017»  “UMA DEMONSTRAÇÃO DE TALENTOS”
4-7-2017»  MOINHO RENASCE COMO HOSTEL NO MEIO DA NATUREZA
26-6-2017»  COMISSÃO ORGANIZOU DIA ANIMADO
23-5-2017»  PATRONATO TRABALHA COM CORAÇÃO
23-5-2017»  PINHEIRO FRIO CONTINUA EM CRESCIMENTO
23-5-2017»  COLETIVIDADE VIVE DO DINAMISMO DOS SEUS MEMBROS
23-5-2017»  CAPITAL HUMANO FAZ A DIFERENÇA
23-5-2017»  PROJETO AMBICIOSO NO HORIZONTE



PESQUISA




Estatuto Editorial O Correio de Azeméis, no cumprimento duma obrigação legal, renova o conteúdo do seu Estatuto Editorial, na mesma linha que orientou as décadas que leva de publicação ininterrupta, de colocar os verdadeiros interesses do con­celho de Oliveira de Azeméis como sua prioridade inquestionável, não se misturando com os interesses de grupos, nomeadamente políticos. O Correio de Azeméis renova o com­promisso de respeitar os princípios deontológicos da imprensa e a ética profissional, de modo a não poder prosseguir apenas fins comerciais, nem abusar da boa fé dos leitores, encobrindo ou detur­pando a informação.




REDACÃO:
Edifício Rainha, 8º Piso
3720-232 Oliveira de Azeméis


CONTACTOS:
Telf: 256 04 98 90 * Fax: 256 04 62 63
Tlm: 939628533


Horário Atendimento: 2ª a 6ª - 9:00h / 18:00h
email: geral@correiodeazemeis.pt


Todos os direitos reservados, 2017