FUNDADO EM 05 DE OUTUBRO DE 1922





DIRETR
EDUARDO COSTA


13-6-2017,
Hóquei em Patins> Campeonato Nacional da 1ª Divisão
O FIM DE UM SONHO QUE ESTEVE TÃO PERTO DE SER REAL

Chegou ao fim o sonho da Oliveirense ser, finalmente, campeã nacional, um título há muito aguardado e desejado em Oliveira de Azeméis. A derrota, este sábado, frente ao Benfica, é difícil de ‘engolir’ e afastou em definito a Oliveirense dessa luta a uma jornada do término do campeonato.


Depois da derrota com o Sporting, em casa, a Oliveirense voltou a perder, este sábado, na deslocação ao pavilhão do Benfica, colocando um ponto final na esperança na conquista do título nacional. A Oliveirense esteve sempre na frente do marcador até ao último minuto do encontro e aquilo que parecia impossível a quatro minutos do final, quando o vice-campeão da Europa estava a vencer por 3-6, acabou por acontecer e o Benfica virou mesmo o resultado e garantiu um triunfo, a vinte segundos do final da partida, que mantém a equipa a depender só de si para se sagrar campeã.

A Oliveirense apresentou-se para este jogo ainda com as esperanças de chegar ao primeiro lugar e com uma exibição – mais uma – soberba foi controlando o jogo. Sempre mais perigosa, a formação de Oliveira de Azeméis chegou ao intervalo a vencer pela margem mínima. No recomeço da partida, Cancela ampliou a vantagem, mas o Benfica reduziu na décima falta da Oliveirense, que terminou a partida com 15 faltas contra apenas seis da equipa da casa. Num jogo intenso, o marcador chegou a estar 3-4, mas quando Jordi Bargalló decidiu assumir o comando da equipa e com dois golos quase de rajada colocou o marcador em 3-6 pensou-se que a partida estaria decidida. Mas não. Os últimos quatro minutos foram impróprios para cardíacos. Nicolia voltou a aproveitar um livro direto a castigar a 15ª falta da Oliveirense e João Rodrigues colocou a diferença na margem mínima. Nicolia empatou e a 36 segundos do final foi a ‘machadada final’ com a reviravolta no marcador na transformação de um penálti. Pelo meio, alguns erros da Oliveirense e decisões muito discutíveis da arbitragem podem ter ditado este desfecho.



 




OUTRAS
18-9-2017»  PASSEIO A FÁTIMA REUNIU 600 SENIORES
18-9-2017»  ALUNOS DE BIOLOGIA E GEOLOGIA CONHECERAM A ISLÂNDIA
18-9-2017»  CÂMARA APOIA ASSOCIAÇÕES COM MEIO MILHÃO DE EUROS
18-9-2017»  MILHARES CELEBRARAM A PAZ, A ARTE E A CULTURA
18-9-2017»  Open Azeméis é o ITF Future mais importante do país
18-9-2017»  CDC apresentou equipa para a época de estreia no futsal
18-9-2017»  Cesarense volta a vencer
18-9-2017»  Macieirense entra a perder no campeonato
18-9-2017»  Cesarense vence e espreita a liderança
17-9-2017»  "SALVARAM A VIDA DO MEU PAI"



PESQUISA




Estatuto Editorial O Correio de Azeméis, no cumprimento duma obrigação legal, renova o conteúdo do seu Estatuto Editorial, na mesma linha que orientou as décadas que leva de publicação ininterrupta, de colocar os verdadeiros interesses do con­celho de Oliveira de Azeméis como sua prioridade inquestionável, não se misturando com os interesses de grupos, nomeadamente políticos. O Correio de Azeméis renova o com­promisso de respeitar os princípios deontológicos da imprensa e a ética profissional, de modo a não poder prosseguir apenas fins comerciais, nem abusar da boa fé dos leitores, encobrindo ou detur­pando a informação.




REDACÃO:
Edifício Rainha, 8º Piso
3720-232 Oliveira de Azeméis


CONTACTOS:
Telf: 256 04 98 90 * Fax: 256 04 62 63
Tlm: 939628533


Horário Atendimento: 2ª a 6ª - 9:00h / 18:00h
email: geral@correiodeazemeis.pt


Todos os direitos reservados, 2017