FUNDADO EM 05 DE OUTUBRO DE 1922





DIRETR
EDUARDO COSTA


8-8-2017, MACINHATA DA SEIXA
Macinhata da Seixa> Casa de Viseu sensibilizada com hospitalidade
MACINHATA RECEBE O RIO DE JANEIRO

Foi com orgulho que Manuel Junqueira, co-fundador do Rancho Folclórico do Grupo Musical Macinhatense (GMM), falou sobre os três dias de acolhimento aos membros do Rancho Folclórico da Casa de Viseu (Rio de Janeiro, Brasil), salientando o espírito de comunhão familiar que se fez sentir entre os dois grupos.


“Foram dias maravilhosos. Ficaram hospedados em nossas casas, portanto, houve uma comunhão de intercâmbio cultural e familiar. Foi difícil a separação, as pessoas ligaram-se muito umas às outras. Quem sabe se daqui não nascerão uns casamentos”, brincou. Manuel Junqueira, co-fundador do Rancho Folclórico do Grupo Musical Macinhatense (GMM), referindo-se à visita de elementos da Casa de Viseu.

No dia 30 de julho o Rancho Folclórico do GMM recebeu de braços e espírito abertos os membros do Rancho Folclórico da Casa de Viseu, vindos diretamente do Rio de Janeiro. Tudo arrancou nos conformes, com boa disposição e muita cumplicidade. O dia passou e os convidados distribuíram-se pelas casas dos anfitriões. “É uma técnica que usamos sempre que recebemos algum grupo de fora: hospedamos em nossas casas para que haja essa troca de saberes, de costumes e de família”, explica Manuel Junqueira. Dito e feito. O método surtiu o efeito desejado, agradando a todos, de miúdos a graúdos.

“A experiência foi magnífica, com todo o grupo unido. Tivemos um acolhimento maravilhoso e estamos muito felizes, além do esperado”, disse Luciane Marquesan Martins, membro do Rancho Folclórico da Casa de Viseu. Mariana Martins, de 15 anos, que está no rancho desde os dois anos de idade, subscreve Luciane, acrescentando que foram “muito bem tratados”. “[Quando lá forem] Vamos recebê-los com muito carinho”, assegurou.

A visita da Casa de Viseu foi curta, “mas muito intensa”, como descreveu Flávio Martins, presidente da direção deste grupo, e culminou no dia 02 de agosto, com uma visita guiada, orientada pelo Rancho Folclórico do GMM, à cidade de Oliveira de Azeméis. O mesmo dia da partida do grupo do Brasil. O grupo foi ainda recebido na Câmara Municipal pelo presidente Isidro Figueiredo, que elogiou a iniciativa e apelou à adesão a este tipo de intercâmbios.

Elisabete Veiga, dançarina no Rancho Folclórico do GMM, fez um balanço positivo.“Não tenho dúvidas nenhumas de que isto enriquece toda a gente, mesmo quem está de fora, porque estes intercâmbios não são só sobre folclore, também se trata de fazer novas amizades, conhecer novas culturas”, diz.

Mas esta não é uma história de despedida. No dia 18 de agosto, o Rancho Folclórico do GMM partirá para o Rio de Janeiro, onde Flávio Martins espera que possa “retribuir” a hospitalidade. “Foi gratificante, porque encontrámos aqui amigos, pessoas acolhedoras que vamos receber lá no Brasil nos próximos dias e que demonstraram aquilo de que já tínhamos de informações: a simpatia e o carinho do povo oliveirense”.



 




OUTRAS
MACINHATA DA SEIXA
25-7-2017»  É TÃO IMPORTANTE CONVIVER COMO PESCAR O MAIOR PEIXE
11-7-2017»  RANCHO PRIMA PELA ARTE DE BEM RECEBER
4-7-2017»  RANCHO FOLCLÓRICO CRUZA O ATLÂNTICO RUMO AO BRASIL
15-3-2017»  Grupo Musical festejou 82.º aniversário
18-11-2016»  Fadistas encheram a noite
18-10-2016»  Obreiro da Estrada do Seixo
11-10-2016»  Autarquia aguarda relatório de fiscalização a exploração pecuári
6-9-2016»  Moradores exigem solução para mau cheiro
4-5-2016»  Rancho do Grupo Musical em Espanha
23-4-2016»  GMM organiza 3º Convívio Sobre Rodas



PESQUISA




Estatuto Editorial O Correio de Azeméis, no cumprimento duma obrigação legal, renova o conteúdo do seu Estatuto Editorial, na mesma linha que orientou as décadas que leva de publicação ininterrupta, de colocar os verdadeiros interesses do con­celho de Oliveira de Azeméis como sua prioridade inquestionável, não se misturando com os interesses de grupos, nomeadamente políticos. O Correio de Azeméis renova o com­promisso de respeitar os princípios deontológicos da imprensa e a ética profissional, de modo a não poder prosseguir apenas fins comerciais, nem abusar da boa fé dos leitores, encobrindo ou detur­pando a informação.




REDACÃO:
Edifício Rainha, 8º Piso
3720-232 Oliveira de Azeméis


CONTACTOS:
Telf: 256 04 98 90 * Fax: 256 04 62 63
Tlm: 939628533


Horário Atendimento: 2ª a 6ª - 9:00h / 18:00h
email: geral@correiodeazemeis.pt


Todos os direitos reservados, 2017