FUNDADO EM 05 DE OUTUBRO DE 1922





DIRETR
EDUARDO COSTA


4-12-2017,
BILHETE POSTAL
Belmiro, o ‘Forreta’



Eduardo Oliveira Costa*

Belmiro de Azevedo faleceu. A importância estará nas lições que deixa. Na forma como enfrentava as adversidades. Também pela voz muito crítica sobre os interesses instalados na mesa do Poder. Vozes raras!
Um dia o Parlamento decidiu ouvi-lo. Marcou a reunião com os deputados para as sete horas da manhã. Era a hora a que começava a trabalhar. Era também rigoroso na hora do descanso. Um dia juntei no Casino de Espinho meio milhar de personalidades para uma justa homenagem. Ele foi com a esposa, no seu carro, que só trocava a cada sete anos. Aí, ia-me lembrando que lhe havia dito que antes da meia-noite estaria terminado. Era assim. Cobrava a palavra dada. E honrava-a também.
Era duro. A negociar e a relacionar-se. Mas humano, não deixava pendurado quem merecesse a sua estima. No início dos anos 90, era eu uma ‘criança’ nos negócios e deparei-me com uma dívida a uma das suas empresas de 700 mil contos. Uma fortuna na altura. Ainda hoje. Não tinha como pagar. A falência era a única solução. Fez-me sofrer até ao último minuto e acabou por aceitar o valor que eu podia pagar. Só aí percebi que as pragas que lhe tinha rogado haviam sido injustas, pois deixou claro que nunca tencionou deixar-me cair.
Tinha uma atitude de ética nos negócios que encerram algumas histórias curiosas. Uma delas foi-me contada por uma assistente , revelando que várias vezes visitava os seus hipermercados, ainda fechados ao público, e ia verificar as datas de validade dos produtos. Quando algum não cumpria as regras, arremessava ao chão toda a prateleira.
Era assim o engenheiro. De quem o neto, quando criança, dizia que era “forreta”! Nasceu e viveu a trabalhar. Deixa saudade e muita riqueza ao país.

  *jornalista, presidente da
Associação Nacional
da Imprensa regional
Eduardo Oliveira Costa*

 




OUTRAS
11-12-2017»  Oliveirense não segurou a vantagem
11-12-2017»  Azagães com plano de atividades e orçamento aprovados
11-12-2017»  Boavista mais eficaz em Cesar
11-12-2017»  Oliveirense mais forte no Cenap
11-12-2017»  Correia & Novo tem nova morada que promete voos mais altos
11-12-2017»  Loureiro entregou taça de campeões no jantar de natal
11-12-2017»  Torneio de Xadrez juntou 44 atletas
11-12-2017»  Caminhada de Natal em Cucujães
11-12-2017»  Azagães com plano de atividades e orçamento aprovados
11-12-2017»  Columbófilos veem pombos a morrer e época em risco



PESQUISA




Estatuto Editorial O Correio de Azeméis, no cumprimento duma obrigação legal, renova o conteúdo do seu Estatuto Editorial, na mesma linha que orientou as décadas que leva de publicação ininterrupta, de colocar os verdadeiros interesses do con­celho de Oliveira de Azeméis como sua prioridade inquestionável, não se misturando com os interesses de grupos, nomeadamente políticos. O Correio de Azeméis renova o com­promisso de respeitar os princípios deontológicos da imprensa e a ética profissional, de modo a não poder prosseguir apenas fins comerciais, nem abusar da boa fé dos leitores, encobrindo ou detur­pando a informação.




REDACÃO:
Edifício Rainha, 8º Piso
3720-232 Oliveira de Azeméis


CONTACTOS:
Telf: 256 04 98 90 * Fax: 256 04 62 63
Tlm: 939628533


Horário Atendimento: 2ª a 6ª - 9:00h / 18:00h
email: geral@correiodeazemeis.pt


Todos os direitos reservados, 2017