FUNDADO EM 05 DE OUTUBRO DE 1922

DIRETOR
ANTÓNIO MAGALHÃES

SUB DIRETOR
EDUARDO COSTA


27-9-2012, Região
> Semana de Moldes regressa entre 01 e 04 a Azeméis e M. Grande
Uma oportunidade de afirmação do setor

Oliveira de Azeméis e a Marinha Grande voltam a ser a montra internacional da indústria portuguesa de Engineering & Tooling, entre 01 e 04 de outubro. A ultimar os pormenores da Semana de Moldes (...)





Angela Amorim

A propósito da Semana de Moldes, o Correio de Azeméis trocou impressões com João Faustino, presidente do Pólo de Competitividade e Tecnologia Engineering & Tooling. De acordo com este responsável e com a associação do setor (Cefamol- Associação Nacional da Indústria de Moldes), o cluster está bem e recomenda-se.

De que forma a jornada deste ano pode contribuir para um maior esclarecimento dos empresários sobre o setor que representam, nomeadamente ao nível da inovação, contatos de negócio, novas tecnologias, metodologias, parcerias, legislação laboral ou outros?
A indústria está mais integrada e representa já uma cadeia de valor mais alargada, que vai do design ao produto final, daí a designação de Engineering & Tooling (integrando moldes, ferramentas especiais e plásticos). Os vários eventos são complementares,envolvendo várias dimensões de abordagem estratégica, visando a atualização de conhecimentos, a visão prospetiva, a identificação de novas oportunidades e constrangimentos, mas também a ampliação da visibilidade (especialmente externa) da importância deste cluster que está na base da generalidade dos produtos que conhecemos. Esta é claramente uma oportunidade de elevação, afirmação e networking da nossa indústria.

Falta de mão de obra especializada
Quais os principais problemas com que se depara o setor e o que pode ou tem vindo a ser feito para os solucionar?
A indústria de Engineering & Tooling está numa fase de grande evolução, especialmente ao nível internacional. Os principais constrangimentos centram-se ao nível do financiamento (uma vez que apresentam longos ciclos de desenvolvimento e produção, necessitam de uma permanente atualização tecnológica, e, estando fundamentalmente dedicada à exportação de produtos transacionáveis, defrontam o ctual turbilhão de falta de liquidez do mercado monetário), e da fixação de quadros técnicos, especialmente ao nível da engenharia qualificada.

Essa era mesmo uma das questões que íamos colocar: em termos de recursos humanos / mão de obra, como se encontra o setor?
Esta indústria é crescentemente de capital e conhecimento intensiva, exigindo uma atualização permanente dos seus recursos humanos e a incorporação de novos engenheiros (que escasseiam).

Quais os principais pólos de formação e que tipo de oferta formativa?
Em termos de formação, o cluster está bem suportado, quer através do CENFIM (que forma técnicos para a indústria), quer através do Centimfe (que desenvolve formação técnica especializada) e da Cefamol (que desenvolve ações de formação especialmente nas área da Gestão e Comportamental). A Universidade de Aveiro tem um pólo em Oliveira de Azeméis, com orientação específica para esta indústria, e a Universidade do Minho forma alunos especialmente na área dos Polímeros.
Contudo, continua a registar-se uma grande dificuldade de atração e, sobretudo, fixação de jovens nesta indústria. O Centimfe tem dinamizado, ao longo dos anos, o projecto Pense Indústria , coordenado pela RECET - Associação dos Centros Tecnológicos de Portugal, envolvendo as escolas básicas e secundárias, (...)




 




OUTRAS
Região
28-12-2015»  Números escassos
22-1-2013»  Marido violento bate na mulher e no sogro
27-11-2012»  ‘Juvebombeiro’ distingue presidente da Câmara
25-9-2012»  Mamadou Ba está há dois meses na Oliveirense
25-9-2012»  Mais 35 caloiros académicos em Azeméis
25-9-2012»  ESEnfCVPOA apostada em desenvolver
25-9-2012»  'Um dia diferente na Quinta do Côvo'
4-9-2012»  Oliveirense já trabalha com a mente na Supertaça
4-9-2012»  Condutor morre em colisão com...
4-9-2012»  Encontro Nacional Acreditar no Côvo



PESQUISA





REDACÃO:
Edifício Rainha, 8º Piso
3720-232 Oliveira de Azeméis


CONTACTOS:
Telf: 256 04 98 90 * Fax: 256 04 62 63
Tlm: 939628533


Horário Atendimento: 2ª a 6ª - 9:00h / 18:00h
email: geral@correiodeazemeis.pt


Todos os direitos reservados, 2017