Em
Correio de Azeméis

2 May 2022

Oliveirense Neves Coelho é o novo presidente da Associação de Futebol de Aveiro

Futebol Desporto

Substitui no cargo Arménio Pinho que deu o salto para a FPF

A saída de Arménio Pinho para a Federação Portuguesa de Futebol abriu caminho para José Neves Coelho, o número 2 da lista, assumir a liderança da Associação de Futebol de Aveiro. Natural de Pindelo, Neves Coelho toma posse ao final da tarde de amanhã.

Ana Catelas

A um ano de terminar o mandato, José Neves Coelho vai assumir as funções de presidente da Associação de Futebol de Aveiro (AFA), substituindo no cargo Arménio Pinho, que deu o salto para a Federação Portuguesa de Futebol. “A promoção do Arménio é o reconhecimento pelo trabalho feito e põe em alta a AFA”, começou por destacar, em declarações ao Correio de Azeméis, o novo presidente do organismo que gere o futebol aveirense. Quanto aos próximos tempos na AFA, Neves Coelho garante que o foco se mantém nos objetivos que já estavam traçados. “Vamos continuar com o trabalho. Temos a obrigação de fazer cada vez mais e melhor. Temos uma equipa de trabalho muito unida e muito coesa”, afirmou o dirigente, referindo que a prioridade é dar seguimento ao projeto da Aldeia do Futebol. “Ainda falta muito para estar concluída. Só terminámos a primeira fase da Aldeia do Futebol”, explicou o presidente, adiantando que a sua equipa já está a trabalhar nos campeonatos da próxima temporada. “Temos um campeonato muito exigente e que vai exigir mais e melhor de nós”, frisou José Neves Coelho.
Nas suas novas funções, o oliveirense, que faz parte da Associação de Futebol de Aveiro desde 1999, antevê uma temporada “muito exigente”, mas conta com uma “boa campanha” e um “bom ano” de futebol.
Com a promoção de Neves Coelho, a AFA tem agora dois oliveirenses a liderar os principais órgãos daquele organismo: além do presidente da direção, também o presidente da Assembleia Geral, Carlos Correia, é de Oliveira de Azeméis. Ao Correio de Azeméis, Carlos Correia deixou uma palavra de reconhecimento a Arménio Pinho “pela obra feita”. A Neves Coelho desejou que “continue com a ambição que até agora o Arménio nos mostrou no exercício do cargo porque, se for essa a postura, o caminho da AFA será virado para o sucesso”.

Um abraço de despedida entre o presidente da Assembleia Geral, Carlos Correia, e Arménio Pinho

“Não foi uma decisão fácil de tomar”

Ao Correio de Azeméis, Arménio Pinho afirmou ser uma “pessoa de desafios” e explicou o que o levou a trocar a AFA pela FPF. “Fui desafiado pelo presidente da FPF, Dr. Fernando Gomes, para, em equipa, implementar um novo projeto estratégico intitulado ‘Futebol 2030’, relacionado com o desenvolvimento do futebol de base em Portugal para os próximos anos. Não foi uma decisão fácil de tomar, quando falta um ano para terminar o meu último mandato”, afirmou Arménio Pinho, garantindo que nunca esteve no seu pensamento antecipar saídas. “Consultados os meus colegas de direção acerca desta inusitada situação, eles manifestaram-me a sua anuência”, referiu ainda o agora ex-presidente da associação aveirense, destacando a “superequipa coesa e profissional” que liderou ao longo dos últimos anos e agradecendo a todos “estes magníficos anos de AFA”.

Partilhar nas redes sociais

PUB
Últimas Notícias
Fernanda Almeida, artesã, que veio à Azeméis TV/FM falar da participação dos vários artesãos nas Festas de La Salette
11/08/2022
Luís Gomes venceu a Meta Volante em 'casa' com o apoio dos oliveirenses
11/08/2022
NIC de Oliveira de Azeméis recupera ouro furtado no valor de 10 mil euros
11/08/2022
Isabel Costa, presidente da Associação Recreativa e Cultural de S. Roque "A Chama" em entrevista
10/08/2022
Oliveirense defronta o Barcelos na Elite CUP já com VAR
10/08/2022
Oliveirense Hélder Gonçalves em ascensão na Volta a Portugal
10/08/2022
Preço dos Combustíveis ponto a ponto
9/08/2022
Simoldes investe no negócio da energia
9/08/2022
PUB
PUB