Em
Correio de Azeméis

10 Oct 2022

100 anos do ‘Correio de Azeméis’ ao lado dos oliveirenses

Destaques Concelho

UM SÉCULO DE PUBLICAÇÃO CONTINUADA. ARQUIVO HISTÓRICO DO CONCELHO

A 5 de outubro de 1922 nasceu o ‘Correio de Azeméis’ sendo o primeiro diretor Bento Landureza. Cem anos passaram, com o jornal ‘Correio da Azeméis’ a afirmar-se como uma referência no panorama do jornalismo português. Ministro da Cultura fez-se representar.

No passado dia 5 de outubro, realizou-se a sessão comemorativa relativa ao centésimo aniversário do ‘Correio de Azeméis’. 
Cerca de quatro centenas de pessoas reuniram-se no pavilhão da Escola Soares Bastos, numa celebração que juntou o passado, o presente e o futuro oliveirenses, com intervenções de representantes de instituições nacionais ligadas à cultura e à comunicação.

O momento de cantar os 100 anos. António Magalhães, diretor durante quase meio século, e o atual diretor Eduardo Costa, sopraram as velas.

As cem empresas que mais contribuem para o potencial económico do concelho, receberam das mãos do diretor do ‘Correio de Azeméis’, Eduardo Costa e do presidente da câmara municipal, Joaquim Jorge, um diploma de reconhecimento pelo serviço prestado.

 


Em nome da União Desportiva Oliveirense, que completa este mês 100 anos, o seu presidente Horácio Bastos, recebe a distinção das mãos do presidente da câmara municipal, Joaquim Jorge, e do diretor do Correio de Azeméis, Eduardo Costa. 


Em nome do Sporting Clube de Bustelo, o seu presidente Francisco Costa, recebe a distinção pelos seus 100 anos. 

 


O presidente da câmara municipal, Joaquim Jorge, entrega ao Correio de Azeméis um “Reconhecimento”, congratulando-se “pelo centésimo aniversário do jornal Correio de Azeméispelo seu trabalho notável tem permitido trilhar o caminho do sucesso.”

 

“Há cem anos que o Correio de Azeméis acompanha e é parceiro ativo para o desenvolvimento harmonioso do nosso concelho. Cem anos de publicação continuada de um jornal é um marco inigualável. O Correio de Azeméis é o único arquivo histórico do concelho. Um jornal que foi sempre um parceiro na construção da democracia, chamando à participação os cidadãos, promovendo a discussão de temas relevantes para a nossa comunidade.  Sempre empenhados em fazer um jornalismo independente de poderes políticos ou económicos, isento e responsável, que não persegue a especulação, muito pelo contrário, procura sempre a verificação dos factos e não se dispensa da missão de ser a voz dos que não têm voz. O Correio de Azeméis é dos oliveirenses! Acreditamos que, se os fundadores do Correio de Azeméis hoje o vissem, orgulhar-se-iam. Um jornal que soube e sabe agarrar com assinalável sucesso as novas tecnologias da informação, sendo líder também no digital. Chegados aos cem anos, queremos lembrar todos os que nos trouxeram até aqui, diretores, chefes de redação, redatores, colaboradores e muitos dedicados profissionais que todos os dias asseguram o cumprimento da nossa missão. Do seu trabalho e dedicação se construiu o que somos hoje”. 
Eduardo Costa, diretor do ‘Correio de Azeméis’
 

“Todos nos devemos sentir privilegiados por termos a oportunidade de poder participar nas comemorações do centenário de uma instituição tão prestigiada. A fórmula para esta longevidade é, na minha opinião, muito simples. É a paixão pelo jornalismo e pela qualidade da informação que prestam às populações.  O ‘Correio de Azeméis’ tem perdurado no tempo e a história e a longa vida do ‘Correio de Azeméis’ tem-se confundido durante este século com a história do próprio concelho, do próprio país e até do mundo. O ‘Correio de Azeméis’ teve o privilégio de viver acontecimentos absolutamente extraordinários. A sua experiência de vida é o somatório de todas estas vivências e é uma entidade viva que tem marcado de uma forma indelével a nossa cultura, a nossa cidadania, a nossa democracia. A comemoração dos cem anos desta prestigiada e icónica instituição é muito mais que assinalar um marco histórico. É revisitarmos as histórias e memórias, é lembrarmos aqueles que já partiram, mas é sobretudo fazermos o reconhecimento público que é merecido e que é devido. A melhor homenagem que nós podíamos prestar o ‘Correio de Azeméis’ é a presença destas centenas de pessoas que com a sua presença quiseram demonstrar o seu carinho, a sua admiração, a sua consideração para com este órgão de comunicação social”.
Joaquim Jorge, presidente da câmara municipal

 

“É realmente importante assinalar os cem anos do ‘Correio de Azeméis’. São poucas as instituições que conseguem perdurar por cem anos. Isso ficou a dever-se à tenacidade do atual e antigos diretores e de todos os que lhes antecederam. É realmente importante sublinhar o contributo que o ‘Correio de Azeméis’ deu ao longo deste século para a comunidade de Oliveira de Azeméis, mas também para o país”. 
Sérgio Gomes da Silva, em representação do Ministro da Cultura

 

 

 

“O jornal ‘Correio de Azeméis’ num contexto de grande de grande desafio para a imprensa local, tem-se revelado perseverante e resiliente, uma escola de jornalistas e eminentes colaboradores dotados de sabedoria, competência e paixão enriquecendo o conhecimento dos seus leais assinantes e assíduos leitores, perpetuando a memória e património histórico e documental de Oliveira de Azeméis.  É uma das marcas mais reconhecidas pelos oliveirenses”. 
Amaro Simões, presidente da assembleia municipal

 

 

 

“A garantia de informação que serve de base à capacitação das nossas comunidades é o pilar de uma sociedade crítica e verdadeiramente democrática. É por isso de enaltecer e louvar o papel que o ‘Correio de Azeméis’ tem há cem anos na defesa dos interesses das populações e na valorização deste território. Igualmente importante é o papel que o ‘correio de Azeméis’ desempenha na coesão territorial de uma região. O ‘Correio de Azeméis’ que celebra, hoje, o seu primeiro século de vida é uma referência de rigor no jornalismo”. 
Beraldino Pinto,  vice-presidente Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Norte

 

 

 

 

“A comunicação regional é extremamente importante para que se possa chegar às populações. O ‘Correio de Azeméis’ tem esse condão, essa virtude de conseguir fazer, de reinventar-se, de conseguir criar novas dinâmicas. Essa dinâmica está hoje bem patente aqui, nesta sala, com tantas pessoas, com tantas instituições, com tantos industriais que quiserem dizer “presente” nesta comemoração dos cem anos”. 
José Pinheiro e Silva, presidente da Associação Municípios das Terras de Santa Maria

 

 

 

 

 

“Há exemplos sem fim das técnicas, dos segredos que os jornalistas usavam com os leitores, só possíveis devido à proximidade fantástica entre o jornal e o seu leitor do que o ‘Correio de Azeméis’ é, seguramente um caso e um expoente dos mais importantes em Portugal. Obrigado Eduardo Costa por ter trazido este jornal até aqui”. 
João Palmeiro, presidente da Associação Portuguesa de Imprensa

 

 

 

 

“O fecho da década de setenta marcou a história do ‘Correio de Azeméis’, com a chegada do jovem e entusiasta Eduardo Costa. Foi o início da aventura que todos conhecem. O ‘Correio de Azeméis’ transforma-se num prestigiado semanário ao nível do melhor que a nossa imprensa regional produzia e entre outras iniciativas avulta aquela que foi um dos maiores e mais tecnologicamente avançados parques gráficos nacionais. Os princípios não foram fáceis. Os diretores sucederam-se. Foi então tempo de eu assumir a direção.  Previsto para um curto intervalo, estender-se-ia por décadas. Todos reconhecemos as brutais dificuldades da chamada imprensa regional. Mas não percamos a esperança. A esperança de que outros assegurarão a vitalidade do ‘Correio de Azeméis nos próximos 100 anos”.       
Professor António Magalhães, diretor do Correio de Azeméis durante quase meio século

 

 

“Sou irmão do ‘Correio de Azeméis’. Sou contemporâneo e já gatinhava quando o ‘Correio de Azeméis apareceu’. Eu mantenho com o ‘Correio de Azeméis um amor incalculável pelos diretores, por este simpático senhor que está aqui [Eduardo Costa] que tem uma capacidade formidável de descobrir aquilo que deve dizer no jornal e o professor Magalhães, que foi antigo diretor do jornal e com quem eu me sinto irmão e muito parecido”.
Professor Manuel Paiva

 

 

 

 

 

“Foi há 41 anos que passei a integrar a grande família do ‘Correio de Azeméis’ como correspondente em Fajões. Tenho hoje uma perspetiva mais exata e abrangente da grandiosa e meritória ação formativa e cultural deste semanário centenário que tem desempenhado, com vigor a promoção da cultura e dignificação dos organismos e das forças vivas do nosso concelho. Por isso presto-lhe sincera homenagem e elogio a independência e imparcialidade que tem manifestado na defesa e preservação da memória do passado e dos legítimos valores geográficos, culturais e históricos das terras de Oliveira de Azeméis”.
Luís Filipe Oliveira, presidente da Delegação da O. Advogados  e correspondente do ‘Correio de Azeméis’ aos 17 anos  

 

 

 


Mesa de honra da sessão comemorativa: representante do Ministro da Cultura, Sérgio Gomes da Silva; presidente da câmara municipal Joaquim Jorge; presidente da assembleia municipla, Amaro Simões; vice-presIdente da CCDR-N, Beraldino Pinto; presidente da associação de municípios (AMTSM), José     Pinheiro; Comendadores António Rodrigues, Casimiro de Almeida e Manuel Santos Gomes; Deputados à Ass. da República, Bruno Aragão e Helga Correia; Diretor do Correio de Azeméis, Eduardo Costa. 

 


António da Silva Rodrigues recebe a distinção atribuída às nove empresas do grupo Simoldes

 


Manuel Santos Gomes recebe a distinção em nome da Proleite

 

 


Amaro Simões entrega o Voto de Louvor aprovado por unanimidade na Assembleia Municipal

 


Manuel Alberto Pereira, presidente da União de Freguesias de OAZ,à esquerda, entrega uma distinção ao diretor do Correio de Azeméis ; À direita, Ricardo Bastos entrega uma lembrança das ‘Corridas Solidárias’

 


O Provedor da Santa Casa da Mesericórdia de OAZ, Vitor Machado, entrega lembraça ao Correio de Azeméis.

 

“Correio de Azeméis celebra o seu Centenário 
Esta é uma data histórica para o Correio de Azeméis,  um projeto jornalístico que se constituiu, nestes 100 anos, num autêntico arquivo da história local, das lutas da sua população, das suas instituições e do próprio desenvolvimento de Oliveira de Azeméis. Parabéns Correio de Azeméis”!
in site da Câmara Municipal de Oliveira de Azeméis

“A missão de informar e formar opinião constitui uma das mais nobres atividades humanas. Neste sentido, o trabalho desenvolvido pelo Jornal Correio de Azeméis neste primeiro centenário de actividade fortalece a certeza de que terá uma trajetória ainda mais longa e profícua ao serviço da comunidade Oliveirense. Comprometido pelos acontecimentos no concelho de Oliveira de Azeméis, o Correio de Azeméis retrata com rara fidelidade, a realidade do nosso concelho, os personagens e o que de mais importante acontece para o desenvolvimento cultural e socioeconómico do concelho. 
O êxito está garantido, graças à competência, à dedicação e à capacidade das sucessivas direções, funcionários, colaboradores e dos anunciantes!  A CPC do partido CHEGA felicita o jornal Correio de Azeméis + Azeméis FM / TV pelos  primeiros 100 anos de sucesso!”
PARTIDO Chega Oliveira de Azeméis

“Os Bombeiros de Oliveira de Azeméis Felicitam o Correio de Azeméis pelos seus 100 Anos! O Jornalismo numa sociedade democrática representa liberdade, direito à informação, direito à opinião e garantia de isenção.
Obrigado Correio de Azeméis!”
Bombeiros Voluntários de Oliveira de Azeméis

“A Direção da Associação Comercial dos Concelhos de Oliveira de Azeméis e Vale Cambra, deseja ao Correio de Azeméis muitos parabéns e as maiores felicidades, pelos seus 100 anos de existência e que o futuro seja ainda mais risonho”
Associação Comercial dos Concelhos de Oliveira de Azeméis e Vale de Cambra

“Parabéns ao Correio de Azeméis pelo seu centenário e desejo de muito sucesso no futuro, e que a veracidade e a imparcialidade nunca sejam esquecidas. Parabéns”.     
Maria Odete Roma Resende, Presidente da Uni. Sénior de O. de Azemeís

“Parabéns ao correio de Azemeis pelos cem anos de informação um bem haja”
Lurdes Pinheiro


“Um especial agradecimento à Escola Soares de Basto na pessoa da diretora do agrupamento professora Maria Joao Calix pela cedência destas instalações”. 
Escola Soares de Basto


“Uma palavra para o escultor Cucujanense Paulo Neves, ainda há dias na inauguração da exposição no Tribunal da Relação do Porto referenciado pelo jornalista Carlos Magno como o melhor escultor português. Um profundo agradecimento pelo convite que aceitou para ser o autor do monumento que embelezará uma rotunda da cidade, em homenagem aos 100 anos do Correio de Azeméis”. 
Escultor Paulo Neves

“Parabéns aos 100 anos do Correio de Azeméis.
Muita história, muita informação, umas boas outras menos boas, das nossas freguesias do nosso Conselho e arredores.
Tudo levou,para que se fosse somando e chega se aos seus 100 anos, muitos mais virão. Com a mesma dedicação e o trabalho de todos/as vós, aqueles que fizeram,fazem e farão parte deste jornal. Que este aniversário dê continuidade, e continue a fazer História, que seja informação, mensageiro, que seja uma utilidade pública para todos nós, pois só assim é e será jornal. Um bem haja a atual direcção na pessoa do Sr. Eduardo Costa e seus colaboradores.
São os meus votos e da Associação Recreativa e Cultural ACHAMA de São Roque.”
Maria Isabel Correia Costa, A Chama, S. Roque

“Parabéns ao correio Azeméis ao seu director ,e a todos os colaboradores e ex.Colaboradores”
Manuel Tavares C. Sarol

“Parabéns Correio de Azeméis!!
Cumprimentos a todos quantos trabalham neste órgão de comunicação Centenário!!”
Luís Amaro

“Meus cumprimentos ao Correio de Azeméis! Desejo-lhe longa vida, os oliveirenses agradecem.”
Regina Affonso Teixeira Mateiro

“Muitos parabéns e continuação de muito sucesso”
Nelson Xará

“Olá boa tarde bem hajam! Não sei que lhes dizer... Mas gosto de vos acompanhar nas v/ divulgações, entrevistas... Gosta de ver e aprecio a intervenção da m/ distinta colega Dra Helena Terr. Parabéns pelo vosso 100 anos! E tenho algumas pessoas de Oliveira de Azeméis que estimo e conheço. Felicidades e continuem sempre em grande vigor”.
Maria de Fátima Andrade

“Parabéns pelo centenário deste jornal que tem o nome de Correio de Azeméis dia 5 de outubro são muitos anos ao serviço no nosso concelho mais uma vez parabéns”.
Manuel Almeida, Carregosa

“Parabéns Correio Azeméis!!!
Parabéns Eduardo Costa e Prof. Magalhães!!
Obrigada pelo excelente serviço prestado à nossa comunidade.”
Gabriela Paiva

 

 

 

Partilhar nas redes sociais

Últimas Notícias
José Costa, bombeiro oliveirense, homenageado com mérito profissional pelo Rotary Club de Oliveira de Azeméis
28/01/2023
Dois feridos numa colisão em Macieira de Sarnes
28/01/2023
Serginho é reforço e já treina na Oliveirense
27/01/2023
Cesar recebeu torneio de semirrápidas
27/01/2023
Congresso da Indústria de Moldes regressa a Oliveira de Azeméis
27/01/2023
Homem detido por furto em estabelecimentos comerciais
26/01/2023
Inscrições abertas para o 3º “Street Food & Beer
26/01/2023
Miura, jogador de 55 anos, já está em Oliveira de Azeméis
26/01/2023