Construir o futuro

CDS

António Pinto Moreira *

São vários os desafios que teremos pela frente neste arranque de mais um novo ano. O mais importante é encontrar um sistema de governo com estabilidade e ambição para tirar Portugal do completo marasmo que foram os últimos 25 anos da economia portuguesa, já desde o Governo de António Guterres. Como é possível que, com mais de trinta anos de ajudas de programas europeus, Portugal está ficando na cauda da europa, sendo ultrapassado paulatinamente, ano após ano, país a seguir a país, mesmo por aqueles que entraram na União muito depois de nós e de quem se dizia que eram atrasados?

Estamos em campanha eleitoral com todos os partidos políticos em cena e isto, além do mais, também serve para disfarçar a agudeza dos números. Depois de contados os votos das urnas, vamos ter mais umas semanas, ou meses, quiçá, para mais um governo de iniciativa parlamentar e depois vamos entrar na “real”. Duas coisas são certíssimas. Uma, as empresas e os portugueses já não podem aguentar mais impostos, porque nunca pagaram tão alto, é simples. Duas, os portugueses ganham mal, muito mal. O salário mínimo é extremamente baixo e, para piorar, o salário médio tende a aproximar-se do salário mínimo, o que indicia que estamos a definhar a classe média. Os aumentos dos salários anunciados, que são sempre bandeiras dos seus negociadores, o governo dando a ideia de responsabilidade em não aumentar levianamente, os parceiros sociais dando a ideia que ficaram bem como bons negociadores, esses aumentos vão ser absorvidos logo nas primeiras semanas de 2022 com o aumento do custo de vida, é a verdade. A seguir o que vem? Se o próximo governo for de maioria à esquerda segue-se inflação e aumento das taxas de juro. E se o governo for de maioria à direita será a mesma coisa. 
Não pretendo desanimar.

 * Presidente da Concelhia do CDS-PP

Partilhar nas redes sociais

Últimas Notícias
‘Feirinha de Natal’ levará o encanto a Travanca
25/11/2022
Um ferido numa colisão entre três veículos
25/11/2022
Gonçalo Noites está no caminho de mais uma medalha
25/11/2022
João Paulo Silva sucede a Luís Filipe Oliveira como Presidente da Ordem dos Advogados
25/11/2022
Filipa Oliveira é vice-campeã do mundo em Acrodance
25/11/2022
“Parque Natal”: espetáculos com levantamento prévio de bilhetes
24/11/2022
Mau tempo vai deixando marcas no concelho
23/11/2022
Nadador da Oliveirense é campeão regional
23/11/2022
PUB