O presidente da câmara fica mal na fotografia

Notas do diretor

A câmara tem que ter capacidade de acompanhar a dinâmica dos nossos empresários.

Não pode haver investidores que construíram as suas fábricas numa zona industrial que não tem acesso capaz. É inaceitável. A câmara invoca várias dificuldades de execução da obra. Acreditamos que é sincera a justificação. O que não diminui a responsabilidade. Assume incapacidade para fazer obras num acesso a uma zona industrial. Muito mau. Azeméis é indústria. São empresários empreendedores. Geradores de emprego, de riqueza, de impostos. O senhor presidente da câmara fica muito mal nesta fotografia. Queremos acreditar que o presidente da câmara tem capacidade para conseguir fazer estas obras, que desesperam os empresários da zona industrial de Loureiro. Estes não compreendem. Há anos a aguardar o acesso. Cada inverno é um calvário. Não se admite num concelho com a nossa força empresarial. Acredito, caro presidente da câmara, que é capaz de resolver com urgência este grave problema. Acredite também e faça a obra! 


Eduardo Costa, diretor
 

Partilhar nas redes sociais

Últimas Notícias
‘Feirinha de Natal’ levará o encanto a Travanca
25/11/2022
Um ferido numa colisão entre três veículos
25/11/2022
Gonçalo Noites está no caminho de mais uma medalha
25/11/2022
João Paulo Silva sucede a Luís Filipe Oliveira como Presidente da Ordem dos Advogados
25/11/2022
Filipa Oliveira é vice-campeã do mundo em Acrodance
25/11/2022
“Parque Natal”: espetáculos com levantamento prévio de bilhetes
24/11/2022
Mau tempo vai deixando marcas no concelho
23/11/2022
Nadador da Oliveirense é campeão regional
23/11/2022
PUB