Oliveirense regressou tarde do balneário

Desporto Basquetebol União Desportiva Oliveirense

Basquetebol> 3º Período decisivo; FC Porto soube aproveitar apatia dos unionistas

A Oliveirense voltou a não conseguir superar o FC Porto e em dia de Páscoa sofreu pesada derrota, diante do seu público, numa partida em que o marcador desequilibrou no terceiro quarto após um parcial decisivo de 9-25.

A Oliveirense não revelou capacidade defensiva para suster os ataques dos dragões e ofensivamente registou baixos níveis de eficácia tanto nos lançamentos de dois pontos (37,1 contra 69% do FC Porto) como nos triplos (33,3 contra 44%). E foram quatro triplos seguidos do FC Porto — Amarante, Arledge, Voytso e Kloof — já nos últimos minutos que acabaram por retirar qualquer réstia de esperança da Oliveirense ainda chegar à vitória. O FC Porto entrou melhor no jogo, mais aguerrido, mas a Oliveirense soube sempre responder e não deixar avolumar a diferença no marcador, até que no segundo período passou para a frente depois de cinco pontos consecutivos de Balseiro e de três lances livres de Waterman sem resposta.
A liderança da Oliveirense em tempo de intervalo esfumou-se rapidamente no terceiro período. Com um regresso do balneário muito apático e com desacerto ofensivo e defensivo, a Oliveirense entregou de bandeja a vitória ao FC Porto.
Ana Catelas

Partilhar nas redes sociais

Últimas Notícias
Do assédio moral no trabalho
29/11/2022
Trabalhar Para Mudar
29/11/2022
Politicamente (in)correto
29/11/2022
Construir o futuro
29/11/2022
Contraditório
29/11/2022
Visão de Futuro
29/11/2022
Património (I)material
29/11/2022
Então, e a economia?
29/11/2022
PUB